12º Felit - Festival de Literatura de São João del-Rei e Tiradentes Festival de Literatura de São João del-Rei e Tiradentes
26 a 30 de Setembro de 2018

Autor Homenageado

Ficcionista, poeta e cronista, Luiz Ruffato é um maiores nomes da literatura brasileira atual.
É mineiro de Cataguases, com formação em comunicação pela Universidade Federal de Juiz de Fora.
Antes de ser escritor profissional ele exerceu várias atividades: trabalhou como auxiliar de pipoqueiro, caixeiro, balconista de armarinho, operário têxtil, torneiro-mecânico, professor, gerente de lanchonete, vendedor de livros ambulante e jornalista.
Nesta profissão, fez carreira em São Paulo.
Desde 2003 dedica-se exclusivamente à literatura, com uma trajetória rica em livros e prêmios. Sua estréia na prosa se dá com o romance Eles eram muitos cavalos, em 2001, Prêmio Machado de Assis e Prêmio APCA, saudado pela crítica como um dos mais importantes livros da ficção brasileira contemporânea.
É autor da sequência Inferno Provisório, composta pelos livros Mamma, son tanto felice (2005, Prêmio APCA), O mundo inimigo (2005, Prêmio APCA), Vista parcial da noite (2006, Prêmio Jabuti), O livro das impossibilidades (2008) e Domingos sem Deus (2011, Prêmio Casa de las Américas).
Seus livros estão publicados em vários países, como Portugal, Itália, França, Argentina, Colômbia, México, Alemanha, Cuba e Estados Unidos.
Ele também destaca-se como organizador de inúmeras antologias. Por sua trajetória e por ser um dos mais expressivos e respeitados autores brasileiros da atualidade, o FELIT presta, assim, homenagem ao escritor.
Entre elas, com a exposição O mundo mágico da literatura infantil brasileira, através do trabalho das escolas municipais, estaduais e particulares da Educação Infantil e do Ensino Fundamental de São João del-Rei  e da rede municipal de Tiradentes inspirados na obra da ilustradora Ionit Zilberman, que ilustrou o único livro infantil de Luiz Ruffato.